Empresa de vinho foi usada de 'fachada' para realizar concurso público em MS, aponta MP

  • 11/06/2024


Ao todo, 11 mandados foram cumpridos em Dourados, Douradina, Itaporã - todas cidades de Mato Grosso do Sul - e Florianópolis (SC). Dinheiro apreendido em Douradina (MS). MPMS/Reprodução O Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MPMS) deflagrou operação que identificou a utilização de uma empresa de vinho como "laranja" na realização de um concurso público na prefeitura de Douradina (MS). Ao todo, 11 mandados de busca e apreensão foram cumpridos nesta terça-feira (11). Durante o cumprimento das diligências foram apreendidos R$ 200 mil reais em espécie. Batizada de "Sommelier", a operação faz alusão ao ramo da empresa utilizada de "fachada" para aplicar o crime. Os mandados foram cumpridos em Douradina, Dourados, Itaporã e Florianópolis. As investigações identificaram a fraude no processo de licitação pública, que tinha como objeto a contratação de empresa para a realização de concurso público para o provimento de cargos na Prefeitura Municipal de Douradina. O MPMS investigou a suposta existência de associação criminosa entre servidores públicos e o dono da loja de vinhos. O grupo teria fraudado a licitação, para desviar dinheiro público mediante superfaturamento. Veja vídeos de Mato Grosso do Sul:

FONTE: https://g1.globo.com/ms/mato-grosso-do-sul/noticia/2024/06/11/empresa-de-vinho-foi-usada-de-fachada-para-realizar-concurso-publico-em-ms-aponta-mp.ghtml

Aplicativos


Locutor no Ar

RÁDIO TROPEIROS

A VOZ DO REGIONALISMO!

Peça Sua Música

Adiciona ai nosso contato no estúdio >(49)99834-6553<

Anunciantes